© Divulgação/SBT

Tribunal Regional do Trabalho (TRT) já marcou a data para a segunda  audiência no processo que envolve o apresentador Silvio Santos e Maísa: 4 de junho. A ação tramita na 6ª Vara de Osasco e, até o momento, o SBT não se manifestou.

De acordo com a coluna de Mônica Bergamo, na Folha de São Paulo, o Ministério Público do Trabalho (MPT) pede ao SBT a quantia de R$ 10 milhões como indenização por “danos morais coletivos” em episódios que envolvem funcionários da emissora paulista.

Um desses casos é o que aconteceu quando Silvio Santos insistiu, ao vivo, que Maísa desse um beijo e namorasse o colega de emissora Dudu Camargo. Outro exemplo usado é de quando Ratinho chutou uma caixa de papelão na qual uma funcionária do SBT, que trabalha como assistente de palco, estava dentro.