'Bibi de VG' foi presa na sexta-feira (25) em Várzea Grande (MT) (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Com um celular, uma presa filmou uma “festa” dentro de uma cela da Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, em Cuiabá. A Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh-MT) confirmou que o vídeo, que está circulando nas redes sociais, foi gravado na unidade prisional e informou que está identificando as detentas que aparecem nas imagens.



No vídeo, as presas aparecem fumando e ouvindo funk. A música é reproduzida por um celular.

Pelo menos cinco presas participam da confraternização na cela. Elas conversam e fazem piadas com uma das colegas, conhecida como ‘Bibi de VG’, se referindo a uma jovem de 28 anos que foi presa em agosto deste ano suspeita de cometer crimes a mando do marido.

A ‘Bibi de VG’, de acordo com a polícia, atuava na logística dos crimes e fornecia armamentos e munições aos executores. Ela ganhou o apelido em alusão a uma personagem de novela que era mulher de um traficante.

Além do celular usado para a gravação do vídeo, outra detenta aparece com um aparelho de celular na mão. Ainda nas imagens é possível ver que as detentas têm acesso a outros aparelhos eletrônicos, como televisão.

Segundo a Sejudh-MT, após a identificação, as detentas devem responder a um Procedimento Disciplinar Interno (PDI). O documento também deve ser encaminhado ao juiz de execução penal para as devidas providências.

Uma revista na unidade está programada para a próxima sexta-feira (17).