ANDRÉ VIOLATTI/ESPECIAL PARA O METRÓPOLES

Um homem monitorado por tornozeleira eletrônica na cidade de Gurupi, em Tocantins, surpreendeu a polícia ao deixar o equipamento na porta da Central de Flagrantes, no domingo (24/12), com um bilhete informando que iria passar as festas de Natal e Ano-Novo com a família.

Leandro Dias Sousa usava o aparelho desde o dia 30 do mês passado. Ele foi preso por furto, mas estava cumprindo a pena em regime domiciliar, após uma decisão judicial.

O bilhete dizia: “Para o Lázaro. Tornozeleira do ex-reeducando Leandro Dias (setor Jardim dos Buritis). Ele viajou, foi passar o Natal e o Ano-Novo com a família, e trabalhar também!”.

Segundo a Secretaria de Cidadania e Justiça, a denúncia de violação será enviada à Comarca de Gurupi para que as providências sejam tomadas. O homem pode perder o benefício da prisão domiciliar e voltar para o regime fechado.