Josilaine Alves Ramos, de 21 anos, morreu baleada durante a discussão entre marido e suspeito (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma jovem de 21 anos foi assassinada a tiros na quarta-feira (27), após o marido dela se envolver em uma discussão com um suspeito de 58 anos na Vila Prodoeste, em Pedra Preta, a 243 km de Cuiabá. A vítima foi identificada como Josilaine Alves Ramos. O marido dela, Aislan Daniel Barbosa, de 27 anos, também foi baleado e encontra-se internado.



De acordo com a Polícia Militar, testemunhas relataram que Aislan procurou o suspeito, identificado apenas como João, no local de trabalho dele, no horário de almoço, para tirar satisfação a respeito de uma fofoca que estaria sendo espalhada a respeito dele. Ambos trocaram agressões verbais no local.

Um dos colegas de trabalho do suspeito relatou à polícia que a vítima teria acusado João de espalhar boatos de que Aislan estaria traindo a companheira dele, após vê-lo bebendo com outras mulheres em um bar localizado na frente da empresa onde ocorreu a discussão.

Segundo a testemunha, João ameaçou matar Aislan, que foi embora. No final da tarde, porém, ele retornou acompanhado da mulher dele e o casal procurou por João no quarto onde ele vive, localizado nos fundos da empresa onde trabalha.

João teria recebido o casal a tiros, fugindo em seguida. O carro dele foi visto na BR-364, seguindo sentido Rondonópolis, mas ele ainda não foi localizado pela polícia.

O casal foi socorrido por testemunhas e levado para um hospital. Josilaine Alves morreu antes mesmo de receber atendimento médico. Já Aislan Barbosa foi encaminhado para o Hospital Regional de Rondonópolis, a 218 km da capital, devido à gravidade do seu estado de saúde.

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil daquele município.