Reprodução

Já aconteceu com você: ao apertar o botão de multitarefa do Android (ou segurar o botão Home do iOS), ver aquele monte de apps abertos e bater o desespero! “É por isso que minha bateria vai embora rápido” ou “Esse monte de aplicativo deixa meu celular lento” são as reações mais naturais. Mas elas estão erradas e você aprenderá o motivo.


É importante entender que aquele monte de apps que aparecem nas telas multitarefa não estão abertos e funcionando a todo vapor. Eles são como amostras do app congelados guardados em um espaço da memória, sem consumo efetivo de memória e bateria.

“No IOS, da Apple, os aplicativos em segundo plano ficam ‘congelados’ não consumindo energia. Esse consumo acontece somente quando o aplicativo é aberto.  Apesar disso, existem aplicativos que consomem carga quando estão em segundo plano quando ficam ativos. Isso acontece muito com aplicativos de GPS ou de música”, afirma Júnior Gromowski, Técnico Sênior da Suporte Smart, especializada em manutenção de smartphones.

A ideia de manter esse monte de apps ali na lista é facilitar quando você for utilizá-los pra valer. Como eles estão congelados em um pedaço da memória, eles não retornarão “do zero” quando forem necessários.

Sabe o que isso significa? Que fechar esses apps consome mais bateria. O motivo é fácil de entender: quando o sistema precisa abrir um app do zero, ele precisa de mais bateria e energia para a tarefa, ao invés de “descongelar” um aplicativo da memória.

Sabe o que isso significa? Que fechar esses apps consome mais bateria. O motivo é fácil de entender: quando o sistema precisa abrir um app do zero, ele precisa de mais bateria e energia para a tarefa, ao invés de “descongelar” um aplicativo da memória.

O Android utiliza um sistema de inteligência artificial para entender quais apps você mais usa, que ao mesmo tempo gerencia a energia e a memória do seu telefone. Por isso o sistema fechará os apps ociosos.

Se você usa Android há certo tempo, vai perceber que a partir do Android 6.0 (Marshmallow) a quantidade de apps listados é muito menor que antes, em que TODOS eles ficavam lá congelados. Isso resulta em melhor aproveitamento de bateria e memória.

Segundo Gromowski, no Android o problema de gerenciamento de memória é grave em aparelhos mais antigos ou com pouca RAM — 1GB ele vai engasgar e com 2GB é bom ter cuidado para não abrir muitos apps pesados ao mesmo tempo.

“A multitarefa pode ocasionar um possível  travamento no sistema do aparelho, principalmente quando ele tem uma baixa memória RAM. Uma grande quantidade de apps abertos pode ocasionar uma sobrecarga na RAM pode deixar o aparelho mais lento”, completa Gromowski. Siga nossas dicas para fazer a bateria do seu celular durar mais, e para liberar espaço no seu telefone.