Um sistema imunológico forte é um dos fatores mais importantes para deixar o corpo com saúde e longe de doenças.

É com ele que o corpo luta contra vírus e bactérias, evitando assim o surgimento de novas doenças para o corpo.


Uma das coisas que mais fragilizam o sistema imunológico é o consumo excessivo de alimentos industrializados e nada saudáveis, que cada vez ficam mais fortes devido ao estilo de vida moderna.

Recentemente, um grupo de cientistas da Universidade do Sul da Califórnia (USC), EUA, se dedicou a um estudo para descobrir como melhorar e reparar o sistema imunológico de forma rápida e segura.

A resposta do estudo é muito simples: com o jejum.

Sim, o jejum pode te ajudar muito a melhorar o seu sistema imunológico e fortificar as defesas de seu corpo.

O estudo mostrou que um jejum bem aplicado irá fazer você perder alguns quilos, mas também irá fortalecer suas defesas no corpo.

E para isso não é preciso muitos dias, de 4 a 8 dias de jejum por ano já são suficientes para ajudar o seu corpo.

Segundo os cientistas, um jejum de 2 a 4 dias, feito um vez a cada seis meses, irá despertar as células troncos e regenerá-las.

Células danificadas irão se destruir e novas irão nascer, melhorando ainda mais o funcionamento do corpo.

Passando os dias do jejum, o corpo gera novas células sanguíneas e ativa os nutrientes.

“Se você estiver com o sistema imunológico severamente fragilizado por fatores como a quimioterapia ou envelhecimento, os ciclos de jejum podem literalmente criar um novo sistema imunológico.”

“Nós não sabíamos que o jejum prolongado tem o notável efeito de promover a regeneração do sistema hematopoiético baseado em células troco”, disse o professor de ciências biológicas Valter Longo.

O estudo também comprovou que pode ajudar nos efeitos negativos da quimioterapia e restaurar o sistema imunológico de pessoas que precisam do tratamento.

Muitos terapeutas naturalistas indicam o jejum como um fator positivo para a saúde, mas lembre-se que sempre deve passar com o seu médico e solicitar uma orientação, para saber se o procedimento é indicado para o seu corpo.